domingo, 26 de março de 2017

Vencedora do Passatempo MicasArte & Pseudo Psicologia Barata

Olá, olá!
Já temos a vencedora do PASSATEMPO, que estava a decorrer desde o dia 25 de fevereiro.
Foi usado o gerador de números aleatórios do Random e o número sorteado foi o 28, correspondente à participante Helena Dias Rodrigues. 
Parabéns e obrigada a todos pela participação!

quinta-feira, 23 de março de 2017

"5 Mulheres Incríveis da Tecnologia"

Olá!
Hoje venho partilhar com vocês um vídeo que gostei muuuito de ver, da incrível e que vocês já conhecem, Maira Medeiros. Já vos falei dela nesta postagem, lembram-se? 
Eu estava prestes a partilhar este vídeo no meu Facebook, no entanto sei como as coisas são por lá e achei que ia acabar por passar despercebido e sem a devida atenção, que creio que merece. Então, porque acho que conteúdo assim deve ser partilhado, aqui estou eu. E por que é que se deve mostrar este conteúdo? Porque não ouvimos isto em lado nenhum, porque esta ainda é uma área dominada por homens e não são assim tantas as mulheres que se "aventuram" nela, muito por, se calhar, acharem que é, realmente, "coisa de homem". E mesmo quando se fala na história da Tecnologia, das TIC, só ouvimos nomes masculinos, ninguém fala em nomes femininos, talvez porque quase ninguém sabe da sua existência e importância, talvez porque os homens acabaram por se sobrepor a elas. E é estranho, não acham? Eu própria não saberia quem elas eram...
Fiquem, então, com o vídeo e até à próxima!

terça-feira, 21 de março de 2017

Blogue amigo: "Phalavraria"

http://www.phalavraria.com/
Olá, olá!
No início deste mês, criei esta espécie de rúbrica "Blogue amigo", em que vos trago blogues que leio com alguma assiduidade e com os quais me identifico. Da última vez, trouxe-vos o Coletivo Poesia Marginal, que também deu, entretanto, a sua opinião acerca da minha escrita e que podem ver AQUI. Desta vez, o que vos trago é o Phalavraria, da querida e talentosa, Adriana Campos Marinho. No belo cantinho dela podem encontrar vários textos e poesias, com temas variados mas sempre com um elemento essencial em comum: o talento desta autora. Também a podem encontrar na plataforma Wattpad e fica já aqui a minha sugestão, pois a escrita é muito boa!

domingo, 19 de março de 2017

Pai ❤

Quero escrever e não consigo, quero dizer coisas bonitas e parece que a mente não flui. Talvez porque as coisas não tenham de ser explicadas, talvez porque não há nada que diga o quanto uma filha pode agradecer por ter um Pai assim... 
Aquele que sabe fazer tudo, aquele que quer aprender a fazer tudo, que deseja viver mais e mais, que gosta de ensinar, ainda que não tenha muita paciência - ehehe. Um pai que cozinha tão bem (e eu que adoro comer!), que é o melhor pasteleiro, que é um Ás em trabalhos manuais, que ainda pinta e desenha lindamente, que tem uma inteligência enorme e uma criatividade maior ainda! Alguém justo e que me passou valores que considero demasiado importantes, como a tolerância e a luta pela igualdade, seja em que área for, que me passou o amor pelos animais e o respeito por todas as formas de vida.

terça-feira, 14 de março de 2017

#MaratonaDoAmorPróprio

Olá, olá!
Como parece que estes dias me tenho estado a dedicar imenso à temática do body positivity e, sinceramente, estou a adorar escrever sobre isto, estou a adorar partilhar o quanto estou a aprender a me amar e o quanto agradeço por ser tal como sou, trago-vos hoje mais um canal do qual fiquei super fã. Se viram esta postagem aqui, sabem que já vos indiquei este mesmo canal, mas de forma muito breve pois não o conhecia bem e o objetivo era indicar os outros dois em específico. 
Então, o canal é o Alexandrismos, que trata também de empoderamento feminimo mas, acima de tudo, de ajudar na construção da autoestima, de um eu melhor, da aceitação, no autoconhecimento, autoconfiança, enfim, tudo aquilo que não vemos nos media em geralMas eu vim aqui, hoje, com um propósito maior... Estou a fazer uma maratona - e não, não estou a correr. O que estou a fazer é a assistir todos os dias a um vídeo da Maratona do Amor Próprio, lá no canal da Alexandra, que todos os dias tem um tema diferente e uma atividade para nós pormos em prática algo relacionado com o vídeo. Vou agora mesmo para ver o vídeo do nono dia e estou cada vez mais motivada para continuar a assistir, pois não fazem ideia do quanto este canal tem sido útil nesta fase tão crucial da minha vida, neste caminho que eu escolhi, mesmo antes de começar a ver estes vídeos, e do qual vocês, quase sem se aperceberem, estão a ser espectadores.

domingo, 12 de março de 2017

Quantas molas já perdi?

Ando há demasiado tempo a "engolir" este tema e decidi pôr cá para fora... Se estão em Portugal, creio que já assistiram a uma publicidade televisiva, relativamente recente, de um "remédio milagroso" que promete emagrecer e queimar sei lá oquê: Depuralina. Esta marca já não é nova e já não é de agora que me perturba com a publicidade estúpida... Se o objetivo deles é causar impacto, causam, mesmo que seja pela negativa! 
Agora o anúncio deles toma duas formas de "pseudo" slogan, um deles trazido pela atriz Dânia Neto (e atenção, que não tenho nada contra ela!) que, colocando molas de estender a roupa no espaço que sobra de umas calças largas na cintura, pergunta "E tu? Quantas molas já perdeste?". Já em outro anúncio muito semelhante, aparecem mulheres - que nem sequer são gordas - que parecem sentir a necessidade de emagrecer pois dentro delas há alguém "mais leve", "mais saudável" e "mais forte" e só a Depuralina e o seu milagre podem ajudar e podem, passo a citar, "apresentar a magra que há nelas". Será que eu já conheço a magra que há dentro de mim?, é a questão.

sexta-feira, 10 de março de 2017

Cartas do Passado #6

O teu problema é nunca eu te negar. 
O teu problema é nunca partires o coração. 
O teu problema é saberes que podes voltar a qualquer momento. 
Vais embora quantas vezes queres e eu fico aqui, sozinha, desolada, à espera de luz, sem rumo. 
Sinto-me assim, sempre que abalas aquilo que sou, aquilo que quero ser. 
Deixas-me incompreendida e sem sentido, talvez porque é assim que tu és.
Depois, voltas quando sentes a mínima solidão - nem tu sabes o verdadeiro peso dela, pois não?

quarta-feira, 8 de março de 2017

Manifesto ao Dia da Mulher

Passei o dia de ontem a pensar no que iria escrever aqui, passei o dia às voltas para chegar a conclusão nenhuma. Queria exaltar as mulheres, pelos seres fantásticos que podem ser. Queria dizer que adoro ser mulher, por todo o motivo e mais algum que agora me está a faltar. Queria poder engrandecer este dia e dizer o quão importante ou bonito ele é. Mas não consigo fazer isso. Não consegui escrever nada que celebrasse este dia. Não acho que haja motivo para o fazer, talvez.
Não posso celebrar o Dia da Mulher enquanto as mulheres continuarem a receber menos dinheiro que um homem  pelo mesmo trabalho. 
Não posso celebrar o Dia da Mulher enquanto não conseguirmos ter a mesma representatividade que os homens seja em que setor for. 
Não posso celebrar o Dia da Mulher enquanto houver pessoas a achar que o lugar de uma mulher é na cozinha, em casa, a cuidar dos filhos, do marido, etc.
Não posso celebrar o Dia da Mulher enquanto não tivermos liberdade de decidir o que queremos fazer com o nosso corpo e enquanto ainda existir a proibição para abortar, por exemplo.
Não posso celebrar o Dia da Mulher enquanto ouvir mulheres a dizerem que o feminismo não é necessário - entendam-no primeiro...

segunda-feira, 6 de março de 2017

"Gorda, sim! Maravilhosa, também!"

Olá!
Vinha aqui com a ideia de vos trazer dois canais que tenho estado a assistir muito frequentemente e com os quais me identifico imeeenso, dados os pontos de vista, os ideias e as opiniões das autoras, no entanto na busca pelo vídeo que, na minha opinião, melhor caracterizasse cada um destes canais, deparei-me com um filme que uma das youtubers fez e foi um misto de emoções que me fez sentir a necessidade de partilhar convosco - e só quando o virem vão entender a referência do título.
Os canais que vos queria mostrar são o Nunca Te Pedi Nada, da Maira Medeiros, e o Tá Querida, da Luiza Junqueira. Conheci o primeiro há cerca de um mês e desde então fiquei super fã, quer por todo o empoderamento feminino e apoio às causas que me tocam (mesmo à causa animal!), quer pela espontaneidade da Maira, pela simplicidade com que aborda qualquer tema e, também, porque acabo sempre por me rir, algo que preciso bastante... Deixo-vos abaixo um dos vídeos dela, numa das matérias que mais me toca, mas há muitos outros temas!

sexta-feira, 3 de março de 2017

Rubrica: Livros do mês #9

Olá, olá,
Cá estou eu, novamente, para trazer as minhas leituras do mês.
Devido à preguicite aguda que se tem instalado em mim, não tenho feito grande coisa da minha vida, nem ler!
No entanto ando com aqueles dois meninos da foto para trás e para a frente, a ver quando acabo de os ler. Para mudar também um bocadinho o estilo da rubrica, este mês, trago um blogue do qual sou suuuper fã e cuja autora já publicou um livro, quase homónimo, que eu ando para comprar, já estive com ele na mão, mas alguém me chamou e eu saí sem levar o livro...
Então os livros que trago hoje também não os li, ainda, por completo, no entanto posso dar a minha opinião, menos relativamente ao final, porque o desconheço por completo, não é??

quarta-feira, 1 de março de 2017

Blogue amigo: "Coletivo Poesia Marginal"

Olá! Espero que tenham todos passado um ótimo Carnaval e que não se tenham caracterizado, como eu, de criança rabugenta com uma senhora gripe em cima! Esperava aproveitar a festividade de outra maneira, mas enfim...
Hoje, trago algo diferente e que espero que se torne habitual: uma espécie de rubrica em que vos dou a conhecer blogues que sigo com alguma frequência. E o primeiro que vos apresento é o blogue Coletivo Poesia Marginal, de Vitor Vallombroso, que reúne os textos dos mais variados autores brasileiros, com a promessa e a missão de oferecer uma gama variada de contos e poesias de grande qualidade. E a verdade é que cumpre bastante bem esta promessa, na minha opinião, pois não houve um único texto, até agora, fosse qual fosse o seu género, do qual não tivesse gostado.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...