segunda-feira, 6 de março de 2017

"Gorda, sim! Maravilhosa, também!"

Olá!
Vinha aqui com a ideia de vos trazer dois canais que tenho estado a assistir muito frequentemente e com os quais me identifico imeeenso, dados os pontos de vista, os ideias e as opiniões das autoras, no entanto na busca pelo vídeo que, na minha opinião, melhor caracterizasse cada um destes canais, deparei-me com um filme que uma das youtubers fez e foi um misto de emoções que me fez sentir a necessidade de partilhar convosco - e só quando o virem vão entender a referência do título.
Os canais que vos queria mostrar são o Nunca Te Pedi Nada, da Maira Medeiros, e o Tá Querida, da Luiza Junqueira. Conheci o primeiro há cerca de um mês e desde então fiquei super fã, quer por todo o empoderamento feminino e apoio às causas que me tocam (mesmo à causa animal!), quer pela espontaneidade da Maira, pela simplicidade com que aborda qualquer tema e, também, porque acabo sempre por me rir, algo que preciso bastante... Deixo-vos abaixo um dos vídeos dela, numa das matérias que mais me toca, mas há muitos outros temas!


Já o canal da Luiza era um no qual já estava inscrita desde o verão, mas que nunca tinha visto mais do que um ou dois vídeos, razão de arrependimento pois vi a maioria deles agora, em poucos dias, dadas as referências no canal da Maira, e foi de ficar a pedir por mais. Inclusive o filme que vos trago aqui já tinha aparecido nas minhas recomendações do Youtube mas acabei, depois, por esquecer. O canal, no geral, também é super positivo, semelhante ao da Maira. 
"Percam" quinze minutinhos do vosso dia e assistam ao vídeo que vos deixo abaixo porque se, como eu e por pressão da sociedade, também sofrem de algum tipo de desconforto com o vosso corpo, se têm a vossa autoestima em baixo, se ainda não conseguiram encontrar a maneira de se amarem tal como são - porque não temos de mudar, temos de nos amar! - vão encontrar aqui uns minutinhos de reflexão, de introspeção e de aconchego. Sou uma pessoa de emoção fácil e com este chorei do início ao fim. Vejam...


Espero que tenham gostado das dicas e que se percam pelos canais delas, como eu.
Tenham uma ótima semana! Beijinhooo

P.S.: Enquanto estava a escrever este post encontrei mais um canal espetacular! Alexandrismos, da Alexandra Gurgel. Espreitem também, é muito amor, muito empoderamento, muita positividade!

14 comentários:

  1. Que maravilha de post, que maravilha de temática!
    Sempre procuro frisar, ao dizer que alguém está (mais) magro ou magra que não é um elogio, apenas uma constatação.

    ResponderEliminar
  2. Adorei as dicas e vou com certeza olhar os canais. Gosto desses temas, além de me identificar.
    Parabéns pelo post!

    Beijos da Nanáh :)

    ResponderEliminar
  3. Muito obrigada pelas sugestões ! Já fui dar uma olhadela a cada um e tambem me identifiquei imenso!
    beijooo

    ResponderEliminar
  4. Olá, passando aqui mais uma vez.
    Vou tirar um tempinho para assistir os vídeos que indicaste.
    Obrigada.
    Abraços,
    Uiara Melo.

    ResponderEliminar
  5. Oi, Bia, ótima iniciativa de falar sobre questões sensíveis e importantes no tange a existência humana (sim, é assim que eu vejo, rs). Nunca sofri de gordofobia porquê sempre fui magro, o que, para um rapaz, também não é muita vantagem, dada a vigorexia, o culto aos corpos malhados. Não, não sou malhado, kkk.

    Enfim, espero ter somado a questão que levantou. Abraço.

    ResponderEliminar
  6. Olá, mana, tudo bem? Gosto bastante de ler sobre assuntos '' polêmicos '', gostei da forma como você abordou o assunto, vou tentar dar uma olhada nos canais, muito sucesso com o blog!

    ResponderEliminar
  7. Amei a sua temática, estou me achando bem gordinha, mas meu namorado insiste em dizer que minhas curvas só ficaram mais bonitas, e essas coisas.
    Adorei mesmo esse post, fez com que eu me sentisse melhor!

    ResponderEliminar
  8. Olá!
    Gostei de você ter falado sobre este tema, é muito importante.
    É triste ver que várias pessoas não se sentem bem com seu corpo por não estar de acordo com os 'padrões'. E é mais triste ainda ver que várias tentam mudar, passam por métodos para que possam se aceitar, só que muitas acabam até não sobrevivendo.
    Parabéns!

    ResponderEliminar
  9. Oi Bea, tudo bem?

    Acho fabuloso você dar espaço no seu blog para falar de uma temática tão importante, como esta. As pessoas gostam de julgar as outras pelo seu peso e isto é algo irrepreensível, inimaginável.
    É triste ver que as pessoas pensam em mudar pelo julgamento das outras, elas deveriam se amar da forma que são e como são, isto sim é o mais importante!

    Beijos!

    ResponderEliminar
  10. Olá, tudo bem? Conheço o canal da Maira, ela é uma fofa e super divertida!
    Adorei o post, pois sou uma plus size <3

    Bom fim de semana :)

    Beijos,
    Pri
    www.vintagepri.com.br

    ResponderEliminar
  11. Olá! Amei o post!!! Sabe, a minha vida toda eu fui plus, e sempre "sofri" com piadinhas e também com aquelas lojistas chatas que falam "aqui não tem roupa pra você". Uma vez até causei a demissão de uma na Marisa porque ela falou com um desprezo tamanho que fiz barraco mesmo kkkkkk. Mas é claro que tive que acabar dando um jeito nisso, não por conta de padrões impostos pela sociedade, mas por estar me afetando a saúde. Acabei fazendo a bariátrica.. E o engraçado é que agora não me acho magra não... Mas as pessoas não me aceitam nem como magra nem como gorda, vai entender kkkkkkkkkkk por isso que realmente não me importo nem um pouco com o que me digam! kkkkkkkkk

    bjs

    Inajara

    www.vintageandgeek.com.br

    ResponderEliminar
  12. Que post bacana, acredita que não conhecia esse canais ? E eu gosto muito de canal que não são superficiais sabe ? Que ao invés de mostrar um mundo perfeito (que não existe) mostram a realidade ! Amei .

    ResponderEliminar
  13. Ahhhh moça, vem aqui me abraça!!!
    Tive problemas seríssimos com auto estima na adolescência. Nunca aceitei meu corpo e poxa seria tão mais fácil ter esse tipo de conteúdo na internet na época. É bom de vez enquanto procurarmos por assuntos realmente bons. Grande beijo.

    ResponderEliminar
  14. Bela temática e post maravilhoso! Todas nós devemos nos aceitar do jeito que somos, esse padrão de beleza que a sociedade tenta pregar nas pessoas não é correto, cada um deve viver da maneira que se acha melhor.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...